Uma emenda ao projeto que trata do novo subsídio dos vereadores foi apresentada e a segunda e tão esperada votação foi adiada para a próxima terça-feira. Segundo a reportagem apurou, por lei o valor do novo salário ( R$ 2.090,00) deve constar no texto como fixo para os próximos quatro anos e não pode acompanhar os reajustes anual do salário mínimo. A emenda foi apresentada pelo vereador Nivaldo (PSB) e acatada pela mesa diretora, que promete pautar a matéria na próxima terça-feira.

Powered by WPeMatico

%d blogueiros gostam disto: