Prefeitura de Ponta Grossa desiste de criar faixa exclusiva para ônibus no calçadão da cidade


Decisão foi tomada após reunião com comerciantes nesta quarta-feira (10). Prefeito disse que calçadão será revitalizado e ampliado até a rua Fernandes Pinheiro
Reprodução/RPC
A Prefeitura de Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, desistiu da proposta de criar uma faixa exclusiva para ônibus no calçadão da rua Coronel Cláudio. O anúncio foi feito após uma reunião com comerciantes nesta quarta-feira (10).
A proposta, que já tinha projeto pronto, tinha como objetivo tirar o tráfego de ônibus de vias como a Balduíno Taques e Vicente Machado, segundo a prefeitura.
Ainda de acordo com a gestão da cidade, a construção da faixa criaria uma redução de quilômetros rodados pelos ônibus, o que poderia acarretar na redução da passagem cobrada pelo transporte coletivo.
Após a reunião com empresários, o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel (PSDB), disse que um acordo foi fechado entre o município e os comerciantes. Segundo o prefeito, a revitalização do calçadão será feita, incluindo um prolongamento pela rua Fernandes Pinheiro.
“As obras vão acontecer, mas sem a passagem de veículos. Com relação a caneleta de ônibus, que precisa ser retirada da Vicente Machado, nós estamos alternando para a rua do Rosário, com possibilidade de entrada pela Carlos Cavalcante”, disse.
Ainda de acordo com o prefeito, um projeto de lei será enviado à Câmara Municipal para que o calçadão seja tombado como patrimônio histórico, impedindo permanentemente a passagem de veículos pelo local.
Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp