[ad_1]

1 –  Ahh Bezerros que valoriza quem não merece – O velho e péssimo costume de se valorizar quem não merece pode custar caro lá na frente. Por muitas vezes vimos pessoas que receberam elogios, afagos e espaço nos mais diversos setores apunhalarem a população num ato covarde, pelas costas. Acordem e valorizem quem pode contribuir com a cidade e não quem quer derrubar os outros, os bens, os imóveis e desconstruir a sociedade.

22 – Comoção na rede – Muita gente está aderindo a campanha nas redes sociais para tentar impedir a derrubada da Escola Pequenos Vencedores, após uma recomendação judicial que concluiu que a mesma ocupa um terreno irregular. O fato é que a escola está ali há muito tempo educando crianças, formando cidadãos e não desconstruindo o futuro.

3 – Atitude baixa – Chegamos um tempo em que o Prefeito não pode nem andar tranquilo num evento festivo da cidade? Parece que sim. Nesta terça feira durante a festa de emancipação política o Prefeito Branquinho foi vítima de uma atitude covarde e baixa após ter sido agredido por um homem embriagado. O caso foi resolvido pela Polícia Militar que estava presente, mas fica o alerta: tem gente descontrolada por aí…

IMG_14454 – Secretaria de Turismo, Parabéns! – Diferente de outras cidades onde o corte do bolo no aniversário de emancipação é aberto e a população literalmente avança na comida, em Bezerros o evento ocorreu com organização e tranquilidade. A equipe se uniu e fez uma distribuição limpa, sem bagunça onde todos puderam saborear.

marcone_agrestina5 – De volta ao batente – Em uma semana movimentada, certamente uma das notícias que mais agradou foi a volta do ex Prefeito e médico Marcono Borba ao trabalho. Ele retomou suas ativdades após um período de repouso e recupação de uma delicada cirurgia para retirada de um dos rins. Marcone já está operando como de costume e atendendo na Clínica da Mulher.

6 – Como quem não quer nada… Na quarta feira, 18, tivemos a homenagem que a Câmara de Vereadores faz todos os anos concedendo uma medalha às pessoas que, segundo o legislativo, contribuem com o desenvolvimento da cidade. O fato agrada a uns e deixa  dúvidas em outros. Teve gente que questionou o porquê pessoas que merecem de fato o reconhecimento, não o tem, um deles que postou a indagação no facebook, foi o cinegrafista André Damásio.

Perguntar não ofende: Porque tanta gente ainda reclama da organização da feira livre?

[ad_2]

Fonte: Bezerros Agora / Clique aqui e veja essa e outras notícias.

%d blogueiros gostam disto: