POLÍCIA PRENDE ELEMENTO DE ALTÍSSIMA PERICULOSIDADE EM BEZERROS; DJALMA ESTAVA MORANDO NO MATO HÁ…

POLÍCIA PRENDE ELEMENTO DE ALTÍSSIMA PERICULOSIDADE EM BEZERROS; DJALMA ESTAVA MORANDO NO MATO HÁ MESES; ELE JÁ FICOU PRESO POR 20 ANOS

Em Bezerros, na segunda-feira (12/08/2019) por volta 19h, Djalma Costa de Albuquerque foi até a residência de um outro indivíduo, Luciano José da Silva conhecido por Beiçola, com o objeto de matá-lo. Ao perceber a chegada do elemento, Beiçola fugiu, mesmo assim o Djalma atirou contra ele, mas não atingiu. Após perceber que não alcançaria o Beiçola, Djalma tocou fogo no carro da vítima e agrediu a esposa do mesmo.

Neste sábado (17), por volta das 14h, o efetivo policial conseguiu localizar o Djalma. Após alguns minutos, o elemento que é considerado de altíssima periculosidade, foi questionado sobre as acusações. Ele afirmou aos policiais que o Beiçola seria seu inimigo e confessou que o seu desejo é tirar a vida do mesmo. Durante a conversa, ele disse ainda que a arma utilizada na tentativa estaria em um rancho de roçado, no sitio Riacho do Mel.

Após andarem cerca de 4km dentro da mata, o efetivo conseguiu encontrar o rancho onde ele estava se abrigando há pelo menos três meses, o que mostra a frieza do elemento. Foram feitas revistas minuciosas e encontradas 01 espingarda calibre 32 de cano serrado e numeração suprimida, além de 05 munições calibre 32, todas intactas. Diante dos fatos a ocorrência foi conduzida ate a Delegacia de Polícia de Bezerros onde o Djalma foi recolhido ao sistema prisional, local esse onde já passou mais de 20 anos preso pelos crimes de homicídio, porte ilegal de arma de fogo, lesão corporal, entre outros.

Efetivo: ROCAM | GATI

(Feed generated with FetchRSS)

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp