Foi assassinado na zona rural de Sairé, José Francisco Filho, conhecido por “Roberto Pedreiro”, que estava desaparecido desde a última quarta-feira (20) e o corpo da vítima foi encontrado na noite deste sábado (23), as margens da BR 232 entre Sairé e Gravatá, numa área ainda pertencente a Sairé.

A Polícia Civil já vinha investigando o desaparecimento da vítima desde a quarta-feira e o caso foi desvendado com a ida do assassino a delegacia local, Manoel Junior, que trabalha como vigilante e é enteado da vítima. O algoz foi criado pelo padrasto desde que tinha apenas quatro anos, matou a vítima a tiros para ficar com o seu dinheiro 60 mil reais, inclusive utilizou esse dinheiro para contratar o advogado que o acompanhou até a delegacia.

O assassino possivelmente teve a ajuda de alguém, há indícios que ele matou a vítima provavelmente em Bezerros e depois desovou o corpo da vítima nessa localidade. Ele é réu confesso, foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e ocultação de cadáver e será apresentado na audiência de custódia.

Na Mira da Notícia

Powered by WPeMatico

%d blogueiros gostam disto: