O kit, segundo os técnicos da Educação, é equivalente a um montante de refeições de quatro semanas de aula por aluno.

Mantendo o compromisso de garantir uma alimentação de qualidade aos mais de 54 mil estudantes da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Petrolina iniciará na próxima segunda-feira (27), a distribuição da segunda etapa dos kits alimentares. A medida emergencial faz parte das ações de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus no município. Os kits foram idealizados para o consumo dos alunos atendidos pelas escolas, creches e unidades do Nova Semente da cidade, respeitando um cardápio balanceado elaborado por nutricionistas.

A partir de agora, além de arroz, açúcar, leite, macarrão e outros produtos, uma novidade: os kits da Educação Infantil também terão cenoura e maracujá, enquanto os do Ensino Fundamental serão reforçados com banana e goiaba. Produtos fornecidos pelos agricultores familiares de assentamentos e vilas de perímetros irrigados do município. O kit, segundo os técnicos da Educação, é equivalente a um montante de refeições de quatro semanas de aula por aluno. O novo formato do kit alimentar segue todas as recomendações do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Nas últimas semanas, a força-tarefa coordenada pela Secretaria de Educação esteve concentrada trabalhando na logística da distribuição da nova remessa de itens da merenda. A proposta é reduzir ainda mais o volume do fluxo de pessoas na distribuição dos itens com a ampliação do agendamento. A equipe da Educação divulgará o calendário de distribuição aos gestores para que entrem em contato, com antecedência, com os responsáveis pelos alunos, orientando sobre os critérios de distribuição e dos cuidados na hora do recebimento. (Fonte: Folha de Pernambuco)

Powered by WPeMatico

%d blogueiros gostam disto: