No último sábado aconteceu na Câmara Municipal dos vereadores, a segunda reunião ordinária do parlamento jovem, projeto este, que tem como objetivo de dar vez e voz aos jovens parlamentares, foram eleitos 15 vereadores jovens, a votação aconteceu nas escolas onde cada parlamentar representa, foi a votação mais de 20 (vinte) requerimentos, e aproximadamente 4 (quatro) projeto de lei, 2 deles chamam a atenção, pois é uma grande renovação na democracia e outro para contribuir com a organização do centro da cidade, a vereadora jovem Izadora Carvalho representante da escola cônego, apresentou o projeto de lei de que cada ponto comercial colete seu lixo e organize em lixeiras no âmbito de trabalho, e que seja jogado no horário combinado, para que o centro da cidade esteja livre para o tráfico de pessoas e automóveis, o outro que chama mais atenção, é o projeto de lei do vereador jovem Klebson Nascimento, que leva a democracia para as escolas municipais, tendo a votação direta para gestores, “o objetivo é de o alunado escolher pela democracia do voto seu diretor(a) escolar, e não políticos indicarem por amizade ou conhecimento, mais pela votação, pois os alunos sabem quem realmente deve representar a instituição, bem como tratar os alunos, professores e funcionários como devem ser tratados, o alunado tem esse direito” diz o parlamentar jovem, a próxima reunião ordinária do parlamento jovem está marcada para o dia 25/01/2020, tendo a possibilidade de acontecer outras extraordinárias para o avanço das votações dos projetos e requerimentos.

Powered by WPeMatico

%d blogueiros gostam disto: