[ad_1]

AHHHQuando nos encontramos angustiados, apreensivos, ou até irritados diante das nossas preocupações e impossibilidades cotidianas, nem sempre é culpa unicamente de determinadas pessoas que nos cercam, e mesmo se for, não podemos brigar com o mundo por causa disso, e não devemos nos amargurar perante a vida só porque as pessoas simplesmente nos desapontam, ou as coisas não estão acontecendo como esperávamos, e conforme os nossos planos. Os “nossos problemas” muitas vezes são “decorrências” de nossas próprias atitudes e escolhas anteriores, noutras vezes eles surgem imprevistamente, sem que nada tivéssemos feito, e infelizmente, há também aqueles que são ocasionados por pessoas do nosso convívio ou que indiretamente nos atingem, mesmo sem fazer parte de nosso círculo de vivência. Mas, independente de como os “problemas” chegam até nós, tornando-se “nossos”, a gente não pode deixar que a “carga” que eles possuem, esmaguem a nossa “paciência e amabilidade” com as outras pessoas, que destruam o nosso “otimismo” mediante os dias futuros, e nem que nos tornem seres “ríspidos e inflexíveis” perante a complexidade das relações humanas. A vida é justamente isso, dias de tormentas, outros de resoluções, e por mais “pesados” que sejam os nossos fardos, e “extensas” as nossas dificuldades, manter-se paciente conosco mesmo, e com os outros, é uma fórmula sábia de lidar, e de vencer os desafios. A palavra para hoje é TOLERÂNCIA.
(Mariana Helena de Jesus)
www.marianahelenadejesus.blogspot.com.br

3

Enviado por:Redator

[ad_2]

Fonte: Bezerros Hoje / Clique aqui e veja essa e outras notícias.

%d blogueiros gostam disto: