Os beneficiados do Residencial Campestre já receberam as chaves de suas casas, mas o primeiro problema do residencial já merece destaques nas redes sociais e deve-se a falta de iluminação pública. “Está uma verdadeira escuridão”, diz um morador à redação. Outros relatos informam que a enegia em algumas casas ainda não foram ligadas. A preocupação com a segurança também merece a atenção por parte dos moradores da nova comunidade que conta com 368 famílias.

%d blogueiros gostam disto: