Defensoria Pública do Estado ajuizou ação Civil Pública e conseguiu em sede de tutela de urgência, decisão que determinou que CELPE se abstenha de interromper o fornecimento de energia elétrica dos consumidores residentes no Estado de Pernambuco ao longo de período de emergência de saúde relativa ao COVID -19.

Powered by WPeMatico

%d blogueiros gostam disto: