Bezerros: Sem limpeza, lixo e plantas em excesso seguem se acumulando em estrutura de ponte

Que o Rio Ipojuca é poluído não é nenhuma novidade, a questão é a falta de limpeza nos locais onde o Rio passa pela zona urbana. Em Bezerros 2018 / 2019 não foram de grandes ações no Rio, inclusive o muro levado pela a cheia do ano passado (2019) próximo ao paredão ainda não foi reconstruído. Em 2020 com um orçamento de apenas 12 mil para ações no Ipojuca, dificilmente será realizado alguma intervenção sustentável em Bezerros.
Sem ações o risco de dar pelo o aumento do lixo e plantas do tipo baronesa que se acumula na estrutura da ponte no centro de Bezerros, Uma ponte quando ela é projetada, dentro da engenharia civil, ela não necessariamente tem esse cálculo de uma pressão lateral maior do que a pressão da água. Então, essas plantas vão agarrando nos pilares das pontes e isso, em excesso, pode chegar a comprometer a estrutura da ponte” avalia o engenheiro civil José Arimatéia.

Powered by WPeMatico

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp