[ad_1]

redÉ tão comum e tão constante a nossa desmotivação e fraqueza diante dos obstáculos que nos tira de certos trajetos, e que nos impedem de seguir por alguns percursos que traçamos. Chegamos tantas vezes a desistir de recomeçar, de persistir, e de tentar novas opções de caminhos, só porque vivemos uma fase que não foi produtiva, ou porque tivemos que encerrar uma etapa de algo que queríamos continuar, e daí muitas vezes nos desesperançamos por achar que tudo acabou, e que nada mais vai dar certo. Nossa! Como subestimamos nossa capacidade perante as chances que a vida nos dá! Somos polivalentes! Aprendamos com o “exemplo do milho”, pois ele nos mostra que a vida não termina com o fim de um ciclo, com o término de uma safra, mas os “fins” mostram os “começos” de novos caminhos, os inícios de novos ciclos, os caminhos de novas oportunidades. Quando não dá para fazer uma coisa, podemos fazer outra, assim como o “milho”, que a princípio serve para enobrecer a nossa culinária com sua diversidade de pratos, se ele “secar” torna-se resistente, e se não pode combater o desafio da alta temperatura, ele não evapora e deixa de existir, acha uma saída, simplesmente estoura e vira “pipoca”. Sua “palha” não se perde, quando “verde” pode alimentar os animais, mas se não for aproveitada assim, encontra outras formas de ser usada, pois suas “fibras secas” dão vida a arte, ao artesanato, produzindo flores, personagens, utensílios, e tirada as suas “palhas”, consumidos os seus “grãos”, resta o “sabugo”, algo inaproveitável aos olhos de tantos, que ganha outra importância, e torna-se “ração animal”. O milho nos representa diante dos vários ciclos e situações, nos mostrando que nada está perdido mesmo quando parece estar. Há tantas variedades de opções que podemos fazer, tantas formas de adaptações que podemos ter perante cada circunstância, e há tantos outros caminhos quando alguns percursos se encerram. A gente tem apenas que procurar a maneira de “explorar” as oportunidades, e de se “adequar” a cada mudança, a cada circunstância, términos e recomeços.
A palavra para hoje é POSSIBILIDADES.

Enviado por:Redator

[ad_2]

Fonte: Bezerros Hoje / Clique aqui e veja essa e outras notícias.

%d blogueiros gostam disto: