POLÍCIA MILITAR APRENDEU QUASE MEIO QUILO DE CRACK, MACONHA E ARMA DE FOGO EM BEZERROS

POLÍCIA MILITAR APRENDEU QUASE MEIO QUILO DE CRACK, MACONHA E ARMA DE FOGO EM BEZERROS

Neste domingo (23), a Polícia Militar realizou uma operação em Bezerros e por volta do meio dia prendeu na Rua Projetada no bairro São Rafael, Emerson Cassio dos Santos Melo, vulgo “Mercinho” de 20 anos, que foi pego com duas pedras grandes de crack pesando aproximadamente 400 gramas do entorpecente, uma porção pesando 170 gramas de maconha e a quantia de 612,00 reais.

A PM informou que recebeu uma denúncia de que algumas pessoas armadas costumavam frequentar a casa do “Mercinho”, foi montada a operação e o imputado estava em casa na companhia de outro jovem que foi ali comprar droga, ele foi informado da denúncia, franqueou a entrada do policiamento em sua casa e autorizou que fizessem uma revista e depois do achado confessou que viva comercializando drogas.

O jovem foi apresentado no plantão de Bezerros, onde foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e será apresentado na audiência de custódia.

Ainda na data de ontem os policiais foram ao bairro Nossa Senhora Aparecida, pois chegou a informação de que um homem estaria portando uma arma longa, mas com a chegada do policiamento ele se livrou da arma e se evadiu. A arma é um rifle calibre 44 que foi entregue no plantão policial local.

Policial Civil baleado em assalto nesta segunda (24) em Encruzilhada de São João

Um policial civil foi baleado na cabeça após um assalto durante a manhã desta segunda-feira (24) em Encruzilhada de São João, que fica em Bezerros.
De acordo com a Polícia Civil, o policial da cidade de panelas foi abordado pelos suspeitos que roubaram a arma e os pertences dele. Na fuga, os suspeitos atiraram na cabeça da vítima.
O policial foi socorrido para o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, e passa por cirurgia. Fonte Espieaqui

Policial Civil é baleado na cabeça após ser assaltado em Bezerros

Policial Civil é baleado na cabeça após ser assaltado em Bezerros

Na fuga, os criminosos levaram a arma do policial

Imagens Na Mira da Notícia

Um policial civil foi baleado na cabeça após um assalto durante a manhã desta segunda-feira (24) em Encruzilhada de São João, que fica em Bezerros. 

De acordo com a Polícia Civil, o policial foi abordado pelos suspeitos que roubaram a arma e os pertences dele. Na fuga, os suspeitos atiraram na cabeça da vítima.

O policial foi socorrido para o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, e passa por cirurgia.

Espie Aqui

“Tradição imbecil de queimarem fogueiras” diz diretor da ASPLAMA em Bezerros

O diretor da ASPLAMA, Audemario Prazeres, que está a frente do órgão governamental de ações ao Meio ambiente no município, decidiu ir às redes sociais para de forma não institucional defender a não queima de fogueiras. “Não queime fogueiras, plante uma árvore” sugeriu em um post, ao escrever nova publicação o diretor classificou com “tradição imbecil  de queimarem fogueiras” a ação cultural dos festejos juninos.
Durante as vésperas e dias de Santo Antônio, São João e São Pedro todo o nordeste mantém a tradição de queimar uma fogueira, reunir a família e de realizar comidas típicas principalmente com base no milho.

Você sabia ?

Como nasceu a tradição da fogueira da festa junina?

Para os católicos, a fogueira é símbolo de um acordo entre as primas Maria e Isabel. Numa tarde, Santa Isabel foi à casa de Nossa Senhora (Maria) e aproveitou para contar-lhe que, em breve, iria nascer seu filho. Ele se chamaria João Batista. Nossa Senhora queria ficar informada sobre o nascimento e perguntou: – Como poderei saber do nascimento do garoto?
– Acenderei uma fogueira bem grande; assim você poderá vê-la de longe e saberá que Joãozinho nasceu. Mandarei, também, erguer um mastro, com uma boneca sobre ele.
A promessa foi cumprida e, um dia, Nossa Senhora viu uma fumacinha e depois umas chamas bem vermelhas. Dirigiu-se para a casa de Isabel e encontrou o menino João Batista, que mais tarde seria um dos santos mais importantes da religião católica. Isso se deu no dia 24 de junho. Começou, assim, a ser festejado São João – com mastro, fogueira, foguetes, balões, danças, etc.