Promovida pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SEMAS), a Oficina Agreste Central em Bezerros, encerrou-se nesta sexta-feira, dia 16, após dois dias de trabalhos, que aconteceram em dois ambientes: Centro de Artesanato de Pernambuco e Centro de Ensino Experimental Escola Técnica do Agreste (CEEETA). O evento teve início na quinta-feira, dia 15, no auditório do Centro de Artesanato de Pernambuco, com as formalidades oficiais e apresentação dos conteúdos através de gestores ambientais do estado e do município sede. Na parte da tarde os grupos de trabalhos foram até o CEEETA, onde elaboraram as propostas e sugestões para a construção da política de educação ambiental de Pernambuco. Na sexta-feira, dia 16, ainda no CEEETA, foram apresentados e debatidos os resultados das oficinas, que serão enviadas a Assembleia Legislativa de Pernambuco (ALEPE) e posteriormente para assinatura do governador do estado.

O evento em Bezerros mobilizou gestores públicos, ONG’s ambientais, sindicatos rurais sustentáveis, conselhos municipais de meio ambiente e sociedade civil do Agreste Central, que terão seus trabalhos como formadores das novas leis de política de educação ambiental em Pernambuco. A equipe de Assessoria de Planejamento e Meio Ambiente (ASPLAMA) de Bezerros, esteve presente e foi efetivamente participativa na elaboração destas propostas. Os encontros coordenados pela SEMAS, serão realizados até meados deste ano, em várias cidades e regiões do estado e também no arquipélago de Fernando de Noronha e região metropolitana, incentivando toda sociedade pernambucana a participar da construção destas leis que farão parte da Política de Educação Ambiental de Pernambuco (PEAPE).


Sua opinião é muito importante para nós! Faça seu comentário:

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here