O Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), juntamente com a Secretaria da Saúde de Bezerros realizou, nesta terça-feira (22), um encontro que marca o Dia da Luta Antimanicomial. O evento aconteceu na Praça Duque de Caxias e reuniu alguns profissionais da saúde e usuários do CAPS.

Houve entrega de panfletos e pinturas ao ar livre, que foram realizadas através do projeto “Arte e Pintura”, coordenado pela psicopedagoga Patrícia Silva. O propósito do momento é conscientizar a população bezerrense de que prender não é a solução, e que o ideal é procurar profissionais adequados para avaliar a situação e começar o atendimento necessário para a recuperação, voltando a inserir essas pessoas na sociedade.

“O projeto é recente no CAPS, tem mais ou menos três meses, e é intitulado por Arte e Pintura. O objetivo dele é reaproximar os usuários do CAPS e ajudá-los a se reintegrarem à sociedade. Para auxiliar nesse processo, nós usamos a arte. Além disso, eles participam semanalmente da confecção de objetos com materiais recicláveis, sempre com a ajuda de alguns profissionais, que os orientam nas atividades realizadas”, ressalta Emanuela Lopes, terapeuta ocupacional.

Por Emilly Silva, estagiária


Sua opinião é muito importante para nós! Faça seu comentário:

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here